terça-feira, 28 de abril de 2009

Sessões




Esta é uma carta de confissão.

A felicidade veio em minha casa, e me convidou para assistir filmes.
Desde então, estou perdido em versos enamorados sem sentido, que tentam proferir o que não consigo.

Vejo pactos de sangue entre irmãs que se amam. Assisto desenhos que me ensinam os valores de família e me fazem rir. Terrores e suspense de um louco infiltrado entre “companheiros”. Romances à segunda vista me prendem com você.
Preciso correr atrás para ver um certo contador de histórias. Saber como a vida é bela, ouvir um pianista e dançar sob uma música atraente e sensual. Contemplar a coisa, ou um monstro do armário. Rever Romeu e Julieta em uma gravação estilo Rec, e saber a história do assassino que utiliza fragrâncias como arma.
Calma, ainda precisa saber do gênio indomável como o seu que existe. Ser melhor é impossível, mas em Los Angeles, a cidade proibida, tudo é possível. Seja em Casablanca ou nos garotos de Oldboys, seu perfume de mulher é hipnotizante. Tenho Crashes em sua presença como se algum alien devorasse meu pé esquerdo.

Em meio de tantos títulos que ainda me fogem da memória, sinto que teremos muitos momentos juntos em uma cama pequena cheia de poemas.

Tendo você ao meu lado, sinto o amor que preciso para ser feliz. De verdade.

2 comentários:

  1. adorei, zooon! demais!
    assistiu Pacto de Sangue?

    ResponderExcluir
  2. Ahhhh, ainda não, na verdade o primeiro eh Da Magia à Sedução :)

    ResponderExcluir