domingo, 19 de junho de 2011

Got The Time?



Sinto meu coração cada vez mais afiado
A navalha no meu pescoço, não é nada
O ferimento interno sangra entalado
Meu ritmo cardiaco parece piada

Com o peito afogado em dor
Aos prantos, oro meu silêncio
Queria hoje sentir o amor, calor
Mas estou cheio de escárnio

Mal posso ouvir sua voz distante
Um grito no escuro de paixão e ecoante
Refletido em minha solidão

De pavor não morrerei, pois eu encaro a morte
Entre todos os valores humanos, caro leitor
Meu maior medo é morrer de amor

3 comentários:

  1. oxi meu deus !!!! ele tem sentimentos tbm ^^rssrsrrsrs

    ResponderExcluir
  2. não morre, porque eu te amparo, ou tento, não sei se consigo, mas acho que dou o melhor de mim..

    ResponderExcluir